Copa Renner 1996 – Grêmio vence o Sport Recife nos pênaltis e fica com a Taça

Ainda traumatizado pela perda do Titulo Mundial de 1995, nos pênaltis para o Ajax, o Grêmio novamente viu-se frente a frente com a disputa de uma Taça nos tiros livres. O palco desta vez era a litorânea Cidreira, com o estádio Antônio Sessim recebendo um bom público para a rodada-dupla que decidiria a Copa Renner 1996.
O Grêmio surpreendeu negativamente, pois contrariando as expectativas teve dificuldades para dominar o Sport. O esquema do técnico Givanildo Oliveira funcionou segurando o Grêmio, porém a base de muitas faltas, fato que culminou com o primeiro gol gremista, marcado justamente em uma cobrança de falta por Carlos Miguel. E assim foi o jogo, o Grêmio em vantagem e o Sport se recuperando e buscando o empate. No final 2-2 e vitória (com festa) tricolor.

GRÊMIO (4) 2 2 (2) SPORT (PE)
Data: 17/02/1996 [Sábado], Local: Municipal Antônio Sessim (Cidreira, RS), Público: 11.000 (Público Estimado), Arbitragem: Carlos Eugênio Simon (BRA), Gol: Carlos Miguel (G) aos 33′, Adriano (S) aos 35′, Sílvio (G) aos 72′ e Jean (S) aos 75′, Decisão por Pênaltis: Grêmio 4-2 Sport, marcando Dinho, Carlos Miguel, Adílson e Roger para o Grêmio, Vanderlei e Marcelo para o Sport. Jean bateu e Murilo defendeu, enquanto Dário chutou para fora.
 Grêmio (Porto Alegre, RS) Murilo; André Vieira (João Antônio), Rivarola, Adílson e Roger; Dinho, Luiz Carlos Goiano e Manoel Tobias (Negreti); Carlos Miguel, Paulo Nunes e Sílvio. Técnico: Luís Felipe Scolari
Sport Recife (Recife, PE) Albérico; Givaldo, Adriano, Erlon e Gilvan; Dário, Athaíde e Chiquinho (Jean); Gaúcho (Joca), Marcelo e Bira (Vanderlei). Técnico: Givanildo

O Placar:

Gols Tempo Como foi
1-0 33′ Carlos Miguel cobrou falta pela meia-direita. O goleiro Albérico foi atrapalhado pelo excesso de jogadores na área e não viu a bola entrar no canto direito.
1-1 35′ Bira cobrou escanteio e o zagueiro Adriano de boa impulsão, subiu mais que a zaga tricolor e, de cabeça empatou a partida.
2-1 72′ Cruzamento para área e a defesa do Sport falhou, a bola sobrou para Sílvio, que usou a cabeça para desempatar.
2-2 75′ Jean apanhou a bola e de fora da área, chutou de forma indefensável no ângulo direito de Murilo.

Copa Renner

Copa Renner1
Nacional_CopaRenner96

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: